Quatro mandados de prisão temporária e oito de busca e apreensão serão cumpridos nesta terça-feira (29) na operação “Tesouro”, deflagrada pela Polícia Judiciária Civil para desarticular uma quadrilha acusada de roubo de defensivos agrícolas na região Sul de Mato Grosso.

Os mandados são cumpridos na cidade de Rondonópolis por equipes da Delegacia de Guiratinga, Delegacia de Roubos e Furtos de Rondonópolis, Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), Delegacia Fazendária, Delegacia de Entorpecentes (DRE) e Gerência de Operações Especiais (GOE), que estão na cidade auxiliando o cumprimento das ordens judiciais.

As investigações da Delegacia de Guiratinga, sob a chefia da delegada Ligia Pinto Silveira, com apoio do GCCO em Cuiabá, iniciaram com o roubo de mais de R$ 600 mil em defensivos de um fazenda em Tesouro, ocorrido em 18 de dezembro de 2013. Na ocasião, 15 homens fortemente armados invadiram a propriedade rural, renderam funcionários e saíram carregando diversas unidades de agrotóxicos, um veículo Strada e uma espingarda calibre 12.

Leia também:  Mulher morre atropelada quando retornava de evento agropecuário em MT

O veículo foi abandonado na região, mas os produtos não foram recuperados e teriam sidos revendidos para outros produtores. “Começamos a investigar e chegamos aos suspeitos do roubo e da comercialização dos agrotóxicos”, disse a delegada.

Segundo Silveira, os cinco suspeitos seriam os prováveis executores do assalto e três deles têm mandados de prisão por outros crimes cometidos em Mato Grosso.

Vinte e cinco policiais foram mobilizados na operação. O balanço da operação será apresentado no final da manhã.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.