Dos dois melhores tenistas do Brasil (masculino e feminino), somente um ganhou vaga direta na chave principal de Roland Garros, o segundo Grand Slam da temporada, que acontece entre os dias 25 de maio e 8 de junho, em Paris. A organização do torneio francês anunciou nesta quarta-feira a lista dos jogadores que já estão garantidos na elite do evento, e a pernambucana Teliana Pereira, 92ª do ranking da WTA, aparece entre as 108 classificadas do feminino. Já Thomaz Bellucci, 103º do ranking da ATP, precisará jogar o qualifying, já que não está entre os 104 nomes escolhidos do masculino.

A lista é baseada nos rankings divulgados na última segunda-feira. Bellucci estaria dentro da chave principal se não fosse a entrada de dois tenistas, o uruguaio Pablo Cuevas e o estoniano Jurgen Zopp, pelo chamado ranking protegido, que dá ao jogador que ficou pelo menos seis meses afastado por lesão uma média do posicionamento no ranking nos três meses seguintes à contusão. Cuevas e Zopp, atualmente 155º e 333º do mundo, entraram com os rankings 54 e 88. Porém, basta apenas uma desistência para que o paulista de Tietê entre diretamente na chave principal, sem a necessidade assim de disputar o qualifying.

Leia também:  União vence e assume liderança da Copa FMF

Longe da mesma situação que o compatriota, Teliana, aos 25 anos de idade, terá a oportunidade de jogar pela segunda vez a chave principal de um Grand Slam. A primeira foi no Aberto da Austrália deste ano, em janeiro, quando também entrou direto na elite e foi eliminada logo na primeira rodada pela cabeça de chave Anastasia Pavlyuchenkova, da Rússia.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.