Três dias após o vice-campeonato paulista, o Santos volta a campo para recolocar a temporada nos trilhos. Nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), na Vila Belmiro, o time de Oswaldo de Oliveira enfrenta o Mixto, pela partida de volta da primeira fase da Copa do Brasil. O primeiro encontro entre as duas equipes registrou um empate em 0 a 0. Por conta disso, o Peixe precisa de uma vitória para avançar na competição. Uma nova igualdade sem gols leva a decisão para os pênaltis. Caso o representante mato-grossense vença ou o duelo acabe empatado com gols, o Alvinegro Praiano fica pelo caminho.

No Santos, a palavra de ordem é esquecer o insucesso no estadual. Para encarar o Mixto, Oswaldo de Oliveira teve pouco tempo para preparar seu time, mas terá a seu favor a Vila Belmiro, onde o clube tem 100% de aproveitamento em 2014. Uma vitória, além de garantir a classificação para a segunda fase da competição, eleva a autoestima da equipe que terá, já no domingo, mais um compromisso: o Sport, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

Leia também:  Brasileira leva ouro em natação e se torna a 1° campeã mundial do país

O Mixto, por sua vez, não esconde que o título do Ituano é uma motivação a mais para enfrentar o adversário desta quarta-feira. A equipe embarcou confiante, mesmo com todo o favoritismo do time paulista. Se o Peixe luta para recolocar o ano nos trilhos, o time mato-grossense briga para não dar adeus à temporada: caso seja eliminado, o Tigre, que completa 80 anos em 2014, não deve ter calendário no ano, já que a Copa Mato Grosso corre o risco de não ser disputada no segundo semestre.

Bráulio da Silva Machado (SC) apita o jogo, auxiliado por Pedro Marinelli Christino (PR) e Marcos Rogério da Silva (PR). O SporTV 3 transmite a partida para todo o Brasil, enquanto a TV Globo televisiona o duelo para os estados de São Paulo, Paraná e Mato Grosso. O GloboEsporte.com acompanha o embate em Tempo Real a partir das 21h30, com vídeos dos principais lances.

Leia também:  Luverdense deixa a zona de rebaixamento

ESCALAÇÕES 

Santos: Desfalque certo para esta quarta-feira, Rildo sofreu uma entorse no tornozelo direito no segundo jogo da final do Paulistão. O atacante Thiago Ribeiro levou uma pancada na coxa esquerda no mesmo jogo. Já Cícero e Damião estão com desgaste muscular e, por isso, devem ser poupados. Assim, o técnico Oswaldo de Oliveira deve levar a campo Aranha, Cicinho, Neto, David Braz e Mena; Alison, Arouca e Lucas Lima (Cícero); Geuvânio, Stéfano Yuri (Leandro Damião) e Gabriel (Thiago Ribeiro).

Mixto: Sem os lesionados Zé Adriano e César Romero, o treinador Ary Marques foi obrigado a mexer no time que empatou com o Santos na partida de ida. Os dois serão substituídos por Ricardo Ehle e Ítalo, respectivamente. Além disso, o comandante do Tigre optou pela entrada do meia Gabriel na vaga de Ferreira. Com isso, a equipe vai a campo com Igor; Denilson, Ricardo Ehle, Robinho e Ítalo; Kiko, Paulo Almeida, Gabriel e Ruy Cabeção; Fogaça e João Paulo.

QUEM ESTÁ FORA 

Leia também:  União e Luve decidem o Estadual Sub-19

Santos: o atacante Rildo (entorse no tornozelo direito), os zagueiros Edu Dracena, Gustavo Henrique e Vinícius Simon e o meia Geovane se recuperam de lesão.

Mixto: o zagueiro Zé Adriano (com uma lesão no joelho direito) e o volante César Romero (com dores na planta do pé).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.