Os servidores se reuniram na Praça - Foto: AGORA MT
Os servidores se reuniram na Praça – Foto: AGORA MT

Mais de 300 pessoas participaram, na tarde desta terça-feira (01) em praça pública, de uma mobilização realizada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Pedra Preta (Sispmupp). A data também foi escolhida por ser conhecida como dia da mentira, já que a promessa de implantação do Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS) vem se arrastando por anos.

De acordo com o presidente do sindicato, Evair Cláudio de Lara, a prefeita teria prometido que até o dia 31 de março o plano seria encaminhado a Câmara Municipal, porém nada foi feito.

A categoria ainda decidiu na tarde de hoje, em votação unanime, a deliberação de uma greve geral dos servidores do município. A partir de quinta-feira (03) deverá funcionar somente 30% que é exigido por lei.

Leia também:  Vendaval em Mimoso deixa uma criança de 4 anos morta

O transporte universitário não será mantido, pois apesar do transtorno para os alunos, a paralisação é necessária já que os motoristas são uns dos mais prejudicados pelo município, afirmou o Evair.

Sispmupp

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.