Mesmo com alguns temores no mercado, relativo a preços e à demanda externa, devido um animal com o mal da vaca louca ser encontrado em um frigorífico em São José dos Quatro Marcos, os preços da carne bovina no estado de Mato Grosso-MT não sentiram os efeitos do evento atípico.

Prova disso é que no mês de abril com relação às exportações foi registrado um aumento de 13,85% em volume e 21,18% em receita, quando comparado ao mês anterior. Os dados são do Instituto Mato Grossense de Economia Agropecuária (IMEA).

Entretanto houve países como Peru e Egito que apreenderam a carne estadual, sendo um ato do ponto de vista técnico inválido e uma das provas disso é que o nosso principal comprador de carne bovina, a Rússia, liberou mais uma planta para exportar, mostrando o potencial de elevação nas exportações da carne mato-grossense.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.