As eleições gerais na Índia chegam ao fim nesta segunda-feira (12), quando eleitores indianos votam pelo último dia. Estão em jogo 41 cadeiras nos estados de Uttar Pradesh, Bihar y Bengala Occidental. De acordo com a Comissão Eleitoral do país, 6,6 milhões de eleitores foram convocados para esta últimas fase.

A jornada decisiva é realizada na cidade sagrada hindu Varanasi, que fica às margens do rio Ganges. Nela se enfrentam o candidato nacionalista hindu Narendra Modi e o ativista anticorrupção Arvind Kejriwal.

Modi é candidato pelo partido da oposição, o Bharatiya Janata (BJP), e favorito para governar a maior democracia do mundo. Ele busca uma vitória simbólica em Varanasi. Os hindus acreditam que os que morrem ali interrompem o círculo de reencarnação e alcançam sua libertação. No entanto, um a cada seis eleitores desta fase são muçulmanos.

Leia também:  Casal é investigado por falecimento de desnutrição do filho de 7 meses

Já Kejriwal está a frente do Partido do Homem Comum (AAP) e venceu as eleições municipais de Nova Delhi, quando derrotou Sheila Dikshit que governava a capital por 15 anos pelo Partido do Congresso.

Ajay Rai é outro candidato em Varanasi, pelo governante Partido do Congresso, que chega desgastado às eleições gerais depois de uma década no poder e assolado por casos de corrupção, pela desaceleração da economia e pela inflação alta.

Além deles, também concorre Rahul Gandhi, da dinastia Nehru-Gandhi, que governou a Índia durante grande período desde que o país alcançou a independência do domínio britânico em 1947. Mas segundo as pesquisas eleitorais, Gandhi não convence e é visto como inexperiente, distante e sem carisma.

Leia também:  Médicos Chilenos são filmados comemorando partida de futebol durante cirurgia

Desde a primeira fase de votação, foram convocados 814 milhões de eleitores. As eleições começaram no dia 7 de abril e ocorrem de maneira sucessiva. Os resultados serão anunciados no dia 16 de maio.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.