Nada melhor que se recuperar de uma contusão ao lado da família e dos amigos. O lutador Antônio Paulo Branjão, o Antônio Montanha, esteve durante o feriado e fim de semana em Ubá antes de uma semana importante para a carreira. Ele passa por uma artroscopia no joelho esquerdo para tratar da contusão sofrida na luta contra o amigo Vítor Miranda, no TUF Brasil 3.

– Na luta contra o Vítor, tive uma lesão no menisco. Tenho consulta agendada no Rio de Janeiro nesta terça-feira e a previsão é de operar na quinta – explicou.

Neste período, Antônio Montanha contou que tinha retomado a rotina de treinos. Ele é atleta do Team Nogueira, no Rio de Janeiro. E foi um consenso do grupo a necessidade da pausa.

– Eu tinha voltado aos trabalhos ajudando o Rick Monstro e o Vítor Miranda, que são meus companheiros de equipe, mas acharam melhor eu fazer essa pausa pra operar e voltar 100% – afirmou.

Após a operação, o lutador vai ficar no Rio de Janeiro, aproveitando a estrutura da equipe para voltar logo ao octógono.

– Assim, terei uma recuperação boa e rápida com todos os cuidados da Team Nogueira. Após a operação espero os médicos me liberarem para fisioterapia e a reabilitação. Quando os médicos do UFC me examinaram, disseram que a previsão era de que em um mês estou liberado para voltar aos treinos – contou.

Se no TUF 3 ele competiu como peso pesado, agora retorna à categoria de meio-pesado, para lutadores até 93 kg. A volta às competições está prevista para setembro.

– Meu empresário está fechando três lutas com um evento nacional, que também promove lutas internacionais.

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.