Suspeito Anderson Aparecido Olímpio dos Santos, 31 anos - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Suspeito Anderson Aparecido Olímpio dos Santos, 31 anos – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Um casal que estava em um show passou por momentos de horror na madrugada deste domingo (20), no residencial  Casaldáliga. A garota ficou desaparecida por horas e só conseguiu voltar pra casa porque pediu carona na rua.

De acordo com o Boletim de Ocorrências, o menor Z.D.S., 15 anos, e a namorada J.M.S., 18 anos,  teriam ido à casa de shows, que fica próximo ao residencial, e por volta das 04h20 estariam indo embora, quando foram abordados pelo suspeito Anderson Aparecido Olímpio dos Santos, 31 anos.

O menor afirma que Anderson abordou o casal e o amarrou. Logo depois ele foi brutalmente agredido com socos e pontapés.  Com o garoto amarrado, o suspeito teria arrastado a jovem para o matagal e sumido com ela.

Leia também:  Homem é preso após arrombar três veículos na UPA em Rondonópolis

Ele conseguiu se desamarrar e muito machucado pediu socorro a alguns populares que começaram a procurar o suspeito.

Cerca de uma hora depois das agressões, o suspeito foi localizado pelos populares porém a jovem não foi mais encontrada e só conseguiu voltar para casa algumas horas depois, após pedir carona na rua. Ela afirmou a equipe de reportagem do AGORA MT que o suspeito a agrediu fisicamente com vários socos.

Na 1ª Delegacia ele não disse onde a garota está e nem comentou sobre o assunto. A Polícia investiga o caso.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.