O custo para a produção de soja no Brasil subiu, em média, 5% no ano desde a temporada 2009/10, de acordo com levantamento feito pela consultoria FCStone. Segundo o estudo, o investimento necessário subiu de R$1.847 por hectare (há cinco anos) para R$ 2.359 em 2014/15.

Os principais fatores dessa inflação foram os preços das sementes, dos defensivos e dos fertilizantes. Houve ainda desvalorização cambial do período, o que encareceu os preços dos insumos diretos referenciados em dólar.

Entre os insumos básicos, os defensivos foram os que apresentaram a maior taxa média anual de aumento: 17,9%. A explicação está no aparecimento de novas pragas, como a Helicoverpa armigera, que forçaram o aumento da utilização de agroquímicos.

Leia também:  Confira as vagas de emprego desta segunda (25/09/17) em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.