Mato Grosso está entre os estados brasileiros que lideram o ranking de desmatamento. O Pará (54%) encabeçou o ranking, com uma área de 464 km2 desmatados. Foi seguido pelo Amazonas (16%), onde o bioma perdeu 136 km2; em Rondônia (15%) foram 126 km2; Mato Grosso (14%) outros 115 km2 e o Acre (1%) responsável por 2 km2. As informações são do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) divulgada nesta segunda-feira (21).

De acordo com o Instituto, o desmatamento na Amazônia Legal brasileira no mês de junho cresceu 358% na comparação com o igual período de 2013. Passou de 184 quilômetros quadrados para 843 quilômetros quadrados entre as épocas.

Leia também:  Servidores do Detran-MT retomam parcialmente serviços após greve

As pesquisas constatam que a maioria (59%) do desmatamento em junho de 2014 ocorreu em áreas privadas sob diversos estágios de posse. O restante foi verificado nas Unidades de Conservação (27%), assentamentos da reforma agrária (13%) e Terras Indígenas (1%).

  Acumulado

No acumulado que vai de agosto de 2013 a junho de 2014, o Pará lidera o ranking do desmatamento, concentrando 38% das ocorrências. Mato Grosso aparece na vice-liderança, com 22%, enquanto Amazonas e Rondônia têm 16% cada um.

No Pará foram 644 km2 desmatados, seguido por Mato Grosso, onde foram 378 km2 e Amazonas 272 km2.

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.