O ex-prefeito de Rondonópolis Adilton Sachetti (PSB) desmentiu nesta terça-feira (29) ao site AGORA MT os boatos de que deixaria a coordenação geral da campanha de Pedro Taques (PDT) para Luiz Antonio Pagot (PTB) assumir.

Ele afirmou que Pagot apenas vem ajudar na campanha e que ele continua sendo o coordenador geral.

Sobre as conversas de que isto estaria acontecendo após a suposta escolha de Rogério Salles (PSDB) para o cargo de candidato ao Senado ele afirmou que não há desentendimento nenhum em relação a isso.

Advertisements
Leia também:  Metralhadora giratória

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.