Os separatistas pró-Rússia anunciaram à imprensa que entregaram na madrugada de segunda para terça-feira (horário da Ucrânia) a responsáveis malaios as duas caixas pretas do avião da Malaysia Airlines, abatido na quinta-feira (17) na zona que controlam no Leste da Ucrânia.

O grupo também disse ter instituído um cessar-fogo num raio de dez quilómetros em torno do local onde o avião caiu para facilitar a investigação sobre as causas da queda. Os Estados Unidos atribuem a derrubada da aeronave um míssil disparado a partir da zona controlada pelos separatistas.

Advertisements
Leia também:  Ex-presidente dos EUA George Bush pede desculpas após ser acusado de apalpar atriz

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.