Os pais da menina de 11 anos, que foi vítima de estupro na última quarta-feira (30), se posicionaram na frente da Delegacia Regional de Rondonópolis, na manhã de hoje (5), após boatos de que o suspeito Ronaldo seria solto.

Os mesmos se encontravam revoltados e disseram que este é um momento de profunda tristeza. “Dá uma mágoa muito grande, dá vontade de ir lá e fazer justiça com as próprias mãos. Uma sensação de revolta. É doído você saber que ele está sendo solto,” destacou a mãe da criança.

OUTRO LADO

Procurado pela reportagem do site AGORA MT, o delegado Daniel Rozão Vendramel afirmou que o suspeito não será solto e que ele já teve a prisão preventiva decretada. O delegado ainda disse que o suspeito foi encaminhado para o presídio da ‘Mata Grande’.

Leia também:  Motociclista ao ver ronda policial, foge e abandona saco com espingarda de caça

O delegado Regional, Henrique Meneguelo, explicou que na verdade tudo não passou de um boato, que a advogada do suspeito entrou com o pedido de habeas corpus, mas que o juiz decretou a prisão do suspeito que já se encontra desde a manhã de hoje na Cadeia Pública, anexo a Mata Grande.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.