Não é só o deputado estadual José Riva (PSD) que passa por problemas com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para tentar se candidatar nas eleições deste ano. Em todo o Brasil centenas de candidatos foram barrados e irão recorrer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Porém um candidato a reeleição de Santa Catarina, o deputado federal João Pizzolatti (PP) decidiu desistir da luta e não ir para o pleito. No lugar dele, após ser barrado ele sugeriu o nome do filho, João Pizzolatti Neto (PP).

Em 2010 o parlamentar também teve o pedido de registro indeferido, mas recorreu e tomou posse em julho de 2011 quando o Supremo decidiu que a lei da Ficha Limpa não deveria valer naquele ano. Mas ele afirmou estar cansado e por isso não recorreria.

Leia também:  DEM pode ser destino de Sachetti e Garcia

Tanto agora como no mandato anterior o Ministério Público contestou a candidatura de Pizzolatti porque ele foi condenado por improbidade administrativa.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.