Para uma equipe que acumulou nada menos que 13 vitórias em 2013, terminar a primeira metade da atual temporada com apenas dois triunfos poderia indicar uma crise sem precedentes. Mas a RBR prefere pautar seu discurso na paciência e na superação. Tanto que até mesmo o chefe da escuderia austríaca, Christian Horner, reconhece que há poucas chances de vencer nas duas próximas corridas, na Bélgica e na Itália. Entretanto, o comandante acredita que a etapa seguinte, em Cingapura, poderá ser a “chance de ouro” para o time de Daniel Ricciardo e Sebastian Vettel voltar ao lugar mais alto do pódio.

– Não dá para antecipar como as coisas vão acontecer, mas Spa poderá ter chuva, e as equipes poderão estar fortes nas curvas em Monza. Mas Cingapura será uma verdadeira chance de ouro para nós. As duas próximas corridas serão de estratégia, porque Force India, Williams, McLaren e, obviamente, Mercedes estarão muito rápidas. Temos que dar o nosso melhor nessas duas provas, e depois realmente tentar um grande salto em Cingapura – disse Horner, em entrevista ao site inglês “Autosport”.

Leia também:  Acontece nesse final de semana 1º Torneio de Férias de Vôlei no Ginásio Municipal de Jaciara

Enquanto o tetracampeão Sebastian Vettel ofuscava completamente o ex-companheiro Mark Webber na temporada passada, o destaque deste ano tem sido Daniel Ricciardo, dono das duas vitórias da escuderia austríaca, no Canadá e na Hungria. O australiano já acumula 131 pontos e é o terceiro do Mundial de Pilotos, enquanto Vettel tem 88 e aparece apenas na sexta posição. Questionado sobre a diferença de rendimento entre os dois pilotos, Horner afirma que está confiante de que a segunda metade do campeonato será melhor para o alemão.

– Vettel está tendo uma pausa merecida, para descansar um pouco, e vai voltar mais forte. A Hungria foi um bom fim de semana para ele. Ele foi rápido na sexta-feira e fantástico no sábado, mas teve azar na corrida. Ele não teve muita sorte na primeira metade do ano, mas isso pode mudar. E muito rapidamente.

Leia também:  Brasil vence a Holanda e tem desafio mortal contra os Estados Unidos

No próximo fim de semana, os pilotos disputam o GP da Bélgica, válido pela 12ª etapa da temporada, no tradicionalíssimo Circuito de Spa-Francorchamps. Duas semanas depois, é a vez de Monza se tornar o principal palco do automobilismo mundial. Na sequência, o GP de Cingapura será realizado no dia 21 de setembro. Todas as corridas têm transmissão ao vivo da TV Globo e em Tempo Real do GloboEsporte.com.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.