Assim como Dom Quixote inspirou-se pelas histórias dos livros e vivenciou grandes aventuras, alunos de 20 escolas da rede pública mato-grossense têm ultrapassado os limites do ambiente escolar para experimentar momentos inesquecíveis proporcionados pela fusão das artes cênicas, literatura e a música de concerto. Até o dia 29 de agosto, no Cine Teatro, eles assistem à adaptação de “O Retábulo do Mestre Pedro”, pela série de Concertos Didáticos.

Alcançados por um dos projetos de cidadania mais eficazes e especiais da OEMT, eles têm sido preparados em sala de aula para o grande momento. Toda a experiência é pautada pelas as aventuras do cavaleiro andante, criação de Miguel de Cervantes.

Em julho, centenas de professores que atuam nos distritos de Aguaçu e Nossa Senhora da Guia, Diamantino, Várzea Grande e Cuiabá chegaram ao Cine Teatro para as Oficinas Preparatórias da série, que anualmente, desde 2006, antecedem os Concertos Didáticos. Como o projeto é realizado em parceria com a Secretaria de Estado de Educação, a atividade recebeu certificação do órgão estadual. E assim, todos educadores foram subsidiados com conteúdo teórico repassado pelo Núcleo Pedagógico da OEMT. Mais tarde, cada uma das 20 escolas recebeu um kit didático contendo livros, CDs e DVDs.

Leia também:  MT fica em 2° lugar no ranking nacional de contratações com carteira assinada

Com o material em mãos, a comunidade escolar das unidades participantes iniciou uma verdadeira empreitada rumo ao conhecimento embasado pela arte. Os professores então, se lançaram no desafio de aplicá-las em todas as disciplinas. Foi assim que Dom Quixote marcou presença no cotidiano escolar, das aulas de matemática à educação artística.

Sobre a participação no projeto, a coordenadora pedagógica Mariuce da Costa Campos, a interdisciplinaridade foi ponto de partida. “Essa é uma grande oportunidade para toda a sociedade e em especial para a classe estudantil. Professores de arte, ciências exatas e humanas, cada um a seu modo, trabalharam a obra de Miguel de Cervantes em sala de aula. O foco esteve sempre na absorção da obra e claro, para a preparação para os concertos no Cine Teatro Cuiabá. Todos se envolveram”, diz a profissional da Escola Municipal Maria Dimpina Lobo Duarte, de Cuiabá.

Leia também:  Rally dos Sertões 2017 passa pela região de Rondonópolis

Um dos alunos desta escola revela que as aventuras do cavaleiro andante têm lhe dado um grande estímulo. “Eu tenho aprendido que Dom Quixote foi um homem sonhador, que acreditou nos seus sonhos e seguiu em frente. Espero que essa mensagem seja um grande incentivo para todos os estudantes”, diz Renan Gabriel, estudante do 7° ano.

Por meio da Lei de Incentivo a Cultura, Ministério da Cultura, a série de Concertos Didáticos 2014 conta com os patrocínios do Instituto Votorantim, Votorantim Cimentos, Agro Amazônia Sistemas Mecanizados e Agro Amazônia Produtos Agropecuários. A OEMT já apresentou importantes obras da literatura universal a aproximadamente 80 mil estudantes mato-grossenses de mais de duas centenas de escolas públicas e particulares.

Leia também:  Confresa é líder em resgaste de trabalhadores em situação semelhante a escravidão
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.