Diretores e coordenadores de 37 escolas municipais de ensino fundamental das zonas rural e urbana de Rondonópolis participaram esta semana da 1ª Oficina de Formação do Projeto MPT na Escola, promovido pelo Ministério Público do Trabalho (MPT).

A capacitação realizada pelo procurador do Trabalho, André Vinícius Melatti, tem como objetivo levar o debate da erradicação do trabalho infantil para a comunidade escolar e para a sociedade em geral, sendo que os diretores e coordenadores atuarão como multiplicadores da temática junto aos demais educadores.

Ao todo, 9.826 alunos participarão de três projetos que serão desenvolvidos em Rondonópolis graças a uma parceria entre o Ministério Público do Trabalho e a Secretaria Municipal de Educação. Entre eles, o “Brincar, Estudar e Viver… Trabalhar, Só Quando Crescer: Escolas Municipais Unidas com a Finalidade de Erradicar o Trabalho Infantil” e o “Bom de Bola, Bom na Escola”.

Leia também:  Motociclista fica ferido após acidente na área central de Rondonópolis

No primeiro, os alunos de ensino fundamental produzirão desenhos, poesias e textos acerca do tema trabalho infantil, os quais passarão pela seleção de uma comissão avaliadora. O segundo, “Bom de Bola, Bom na Escola”, promoverá um campeonato na cidade entre 58 equipes de futebol de diversas categorias. Os participantes dos dois projetos receberão do MPT prêmios que somam R$ 50 mil reais no total, como bolas de futsal, jogos lúdicos e bicicletas.

HISTÓRICO

Em Mato Grosso, o Projeto MPT na Escola foi implantado pela primeira vez em 2009. Até 2011, já tinha beneficiado mais de 30 mil alunos de 179 escolas da Grande Cuiabá. Já no interior do estado, nos 29 municípios abrangidos pelas Procuradorias do Trabalho de Sinop, Alta Floresta, Rondonópolis e Água Boa, o número de alunos envolvidos chegou a 28.176.

Leia também:  Incêndio de grandes proporções atinge o Frigorífico Agra em Rondonópolis

No ano passado, participaram da ação, que beneficiou 93 escolas, 1.220 professores e 21.357 alunos, os municípios de Acorizal, Alto Paraguai, Arenópolis, Barra do Bugres, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Cuiabá, Jangada, Nova Mutum, Porto Estrela, Santo Antônio de Leverger e Várzea Grande.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.