cabo ozeas vereador guiratingaO vereador Cabo Ozeas (DEM), que recentemente retornou Câmara Municipal de Guiratinga, após ter deixado o comando da Secretaria Municipal de Saúde, usou sua fala na tribuna de hoje (18), durante a sessão legislativa, para desabafar. Segundo Ozeas (foto ao lado), um dos grandes motivos para entregar o cargo foi à falta de orçamento da secretaria, além de que, ele estava se sentindo insuportável.

“É complicado você conduzir uma secretaria de tamanha importância como esta se não tiver orçamento. Eu andava pelos corredores e sentia que as pessoas estavam com nojo de mim”, declarou Ozeas.

O vereador criticou a forma de como o orçamento foi feito e se diz descontente da forma de que algumas licitações foram feitas, como no caso da compra dos medicamentos. Ele admitiu que errou em alguns pontos, mas culpou a falha no fato da Pasta disponibilizar pouco efetivo e dinheiro, uma vez que o acumulo de cirurgias e outros serviços atrapalharam o dia a dia da secretaria.

Leia também:  Professor Sidnei apoia ampliação de projeto que leva atividades físicas para Comunidade Três Pontes

“Não adianta fazer orçamento para a saúde destinando dinheiro só para combustível, insumos e folha. Tem que pensar na verba para ações, ou seja, o que realmente temos que fazer como curar doenças do povo e estar preparado para quaisquer eventualidades”, explica.

Ainda de acordo com a fala do ex-secretário, ele se viu acuado uma vez que não tinha mas o que fazer na Saúde e desejou boa sorte para nova gestão.

“Eu ainda não sou mágico. Se não tiver orçamento não tem como dar andamento nos trabalhos, mas tomara que eles consigam”, desejou Cabo Ozeas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.