O polêmico aplicativo Uber, que conecta passageiros a motoristas particulares, anunciou a contratação de David Plouffe, de 47 anos, coordenador das duas campanhas que elegeram o presidente americano Barack Obama, para lidar com o embate legal que a empresa enfrenta em diversos países.

Plouffe foi a primeira pessoa citada por Obama, depois de sua família, em seu discurso de posse do primeiro mandato. Ele chefiava a equipe de estrategistas políticos do presidente americano quando foi sondado para assumir a vice-presidência de políticas e estratégias do Uber, cargo que passará a ocupar na empresa em setembro.

O cofundador e presidente executivo do Uber, Travis Kalanick, declarou ter encontrado um “brilhante general” que possui o conhecimento político que uma empresa cheia de profissionais de tecnologia não possui “para lidar com o cartel das empresas de táxi”.

Leia também:  Cerca de 14 sacerdotes chilenos são suspensos por suposto envolvimento em abusos

Plouffe declarou que seu papel será criar uma estratégia para eliminar as barreiras existentes ao Uber atualmente. “O Uber tem a chance de ser a empresa de uma década, se não de toda uma geração. Isso, é claro, se torna uma ameaça”, afirmou.

A companhia, considerada a maior startup da atualidade, recebeu em junho um investimento de US$ 1,2 bilhão, que elevou seu valor de mercado para US$ 18,2 bilhões. Mas, apesar do sucesso entre investidores, o aplicativo se tornou alvo de protestos de taxistas e cooperativas de todo o mundo, inclusive no Brasil, acusado de realizar transporte ilegal de passageiros e de promover a concorrência desleal.

Enquanto em cidades como Londres o serviço foi considerado legal após alguma resistência, o app foi banido em cidades como Berlim e Hamburgo, na Alemanha. No Brasil, as prefeituras de São Paulo e Rio de Janeiro, onde o Uber funciona atualmente, declararam o serviço ilegal. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia também:  Mãe dá a luz dentro de trem e bebê ganha passagens gratuitas até os 25 anos

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.