O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) divulgou nesta semana os dados com relação ao número de queimadas no Brasil. O estado de Mato Grosso é líder no ranking, foram registrados 12.958 focos de calor entre 1º de janeiro até o dia 24 de agosto. Com relação ao mesmo período no ano passado houve um aumento de 77% quando foram registrado 7.298.

Conforme análises feita pelo Instituto Centro de Vida (ICV), os dados do Inpe mostram que as cidades com mais focos de calor no estado são praticamente as mesmas do ano anterior. Entre as dez primeiras cidades que lideram o ranking de queimadas neste ano, sete estão na mesma lista do ano passado.

Leia também:  Seplan divulga boletim sobre cenário econômico de Mato Grosso

Neste cenário, as cinco cidades com maior registro de queimadas neste ano em MT, são Colniza com 897 focos de calor, Nova Maringá com 636, Feliz Natal com 472, Nova Ubiratã com 451 e Campinápolis com 444.

As queimadas são proibidas por lei entre 15 de julho e 15 de setembro, podendo ser prorrogado este período em função da seca. Nesta época em MT, as condições climáticas pioram o que favorece os incêndios sem controle.

No país, o número de queimadas aumentou mais que o dobro, em 2013 foram 31.689 focos de calor registrados, já em 2014 esse número subiu para 64.297.

Segundo os dados do Inpe, o Pará ocupa o segundo lugar no ranking de focos de calor com 8.992 e em, terceiro, fica o estado do Maranhão com 7.851 registros neste ano.

Leia também:  Governo estende até 31 de dezembro o prazo de decreto para atualização no Simcar
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.