Em Varsóvia para competir sábado no Memorial Kamila Skolimowska, Usain Bolt reafirmou seu desejo de virar jogador de futebol quando decidir se aposentar no atletismo. Em uma coletiva com jornalistas antes do evento que homenageia a atleta polonesa campeã olímpica do arremesso de martelo nos Jogos de Sidney em 2000, mas que veio a falecer vítima de uma embolia pulmonar em 2009, o jamaicano disse querer fazer alguns treinos com algum time para ter certeza se essa vontade não é apenas “uma coisa de sua cabeça”

– Por que não tentar e ver se eu realmente posso jogar futebol ou se é apenas uma coisa da minha cabeça. Eu realmente quero tentar fazer alguns treinos e ver se eu vou ser bom. Espero que eu tenha uma chance – disse o homem mais rápido do mundo.

Leia também:  União joga domingo diante do Sinop no Luthero Lopes

Fã declarado do Manchester United, da Inglaterra, Usain Bolt já recebeu até um “convite” do técnico da Jamaica para se juntar à Seleção do país após as Olimpíadas do Rio em 2016, quando o Raio deve anunciar sua aposentadoria.

Após passar pelo Rio de Janeiro para vencer com facilidade o desafio “Bolt contra o tempo”, esta é a primeira vez que Usain Bolt chega a Polônia para correr. O jamaicano é recordista mundial dos 100m rasos com o tempo de 9s58.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.