Ronaldo Monteiro foi preso em 2009 pelo mesmo crime e outras duas vítimas de estupro o reconheceram – Foto via Whats-up
Ronaldo Monteiro foi preso em 2009 pelo mesmo crime e outras duas vítimas de estupro o reconheceram – Foto via Whats-up

Ronaldo Monteiro da Silva, 32 anos, preso no fim da tarde deste domingo (03) sob a suspeita de estuprar uma menina de 11 anos no último dia 30 de junho no Jardim Liberdade, foi reconhecido por outras vítimas.

A delegada titular em Defesa da Mulher, Idoso e Criança e Adolescente, Divina Aparecida, disse que pelos modos operantes Ronaldo fez outras vítimas com idade entre 8 e 11 anos, sendo que todas eram atraídas para o carro vermelho e depois eram estupradas com muita violência por parte do suspeito.

Até o momento Ronaldo foi reconhecido com riqueza de detalhes por outras duas vítimas, uma de 8 anos, em um caso que ocorreu em janeiro e a 2ª de 9 anos no mês de abril, mas há outras meninas para fazer reconhecimento do suspeito.

Leia também:  Mulher é surpreendida em rotatória e tem celular roubado no Jardim Atlântico

A delegada afirmou que o prendeu em 2009 pelo mesmo crime e após sair da Mata Grande os casos voltaram a ocorrer. Divina acredita que existam outras garotas que foram violentadas e por esse motivo o rapaz está na delegacia para reconhecimento.

Ronaldo afirmou que espera que a justiça seja feita, pois é inocente e esteve preso porque foi acusado injustamente.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.