O prefeito Érico Piana anunciou nesta segunda-feira (11), no gabinete do secretário de Saúde Fabio Lago, a implantação da primeira clínica de hemodiálise em Primavera do Leste.

De acordo com o prefeito, atualmente os pacientes do município que necessitam desse serviço precisam ser encaminhados para Rondonópolis para se submeter ao tratamento pelo menos três vezes por semana. Os pacientes saem ás 2h e retornam às 15h, tornando o processo muito cansativo e desgastante para os pacientes, que ficam limitados para desempenharem outras atividades.

Com a implantação da clínica no município, os pacientes poderão fazer o tratamento sem a necessidade do deslocamento, com maior conforto e segurança.

A clínica de hemodiálise de Primavera do Leste terá a capacidade de atender 50 pacientes por dia em dois turnos de trabalho. Atenderá aos pacientes do Sistema Único de Saúde- SUS, sem custo para o usuário e será mantido com recursos federais e do próprio município.

Leia também:  Cai 28% o número de roubo de aparelhos celulares em Mato Grosso

Segundo o gestor hospitalar Gino Guardabassi, representante da clínica, de acordo com a demanda pelos serviços, o número de equipamentos disponibilizados poderá ser ampliado.

Para o secretário de Saúde Fabio Lago, a expectativa é poder atender a todos os pacientes do município e também de várias regiões do estado.

O prefeito Érico Piana destacou o trabalho que vem desenvolvendo juntamente com a Secretaria de Saúde para trazer para Primavera do Leste o atendimento de hemodiálise ao pacientes do município. Piana entende o sofrimento daqueles que necessitam do tratamento e considera a implantação da clínica como uma conquista a mais para o município.

A clínica de hemodiálise de Primavera do Leste está prevista para ser inaugurada em novembro deste ano.

Leia também:  Dois assassinatos na noite de sábado em Primavera
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.