O candidato ao Senado, o deputado federal Wellington Fagundes (PR), tem até esta semana para apresentar ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) o nome do 1º suplente. Ele que vem sendo pressionado pelo crescimento nas intenções de voto do 2º colocado, vice-prefeito de Rondonópolis Rogério Salles (PSDB), parece estar com problemas para fechar a chapa.

Segundo informações, o empresário de Sinop Sidnei Bellincanta que vinha sendo cotado para a vaga já teria recusado o convite da coligação para participar do pleito.

Como saída, o partido teria convidado o produtor  Nadir Sucolotti, que é de Sorriso, para preencher a vaga, porém ele já confirmou a imprensa que também não aceitou o convite que teria vindo do senador Blairo Maggi, líder do PR no Estado.

Leia também:  Escola Militar será estruturada ainda em 2017

Sucolotti afirmou que está focado nas atividade da empresa e que não tem aspirações políticas.

O partido está com o prazo apertado e tem que apresentar um substituto de José Carlos Ramalho (PR) que renunciou a vaga após ter a candidatura impugnada por falta de prestação de contas na campanha de 2010.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.