O atual cenário político de Mato Grosso anda estranho. Em meio as traições partidárias, debandada de aliados e sumiço de grandes nomes em pleno período eleitoral, mais um fato no mínimo curioso chamou a atenção.

Acontece que Eraí Maggi (PP), primo de Blairo Maggi (PR), é do mesmo partido de Carlos Fávaro (PP), vice governador de Pedro Taques (PDT), porém, apesar disso,  na próxima semana ele deve gravar uma participação no programa eleitoral da presidente Dilma Rousseff, que é do PT do candidato ao Governo  Lúdio Cabral.

Segundo informações ele foi escolhido como cabo eleitoral da presidenciável por ser o ‘Rei da Soja’, muito influente no agronegócio.

Leia também:  TV Globo | Mulher é estuprada durante gravação

Taques não deve ter ficado muito contente, já que ele e a presidente não se dão muito bem, e mesmo sendo da mesma base o senador já afirmou que não irá apoiá-la no Mato Grosso.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.