O último levantamento da Secretaria de Estado de Saúde (SES), entre os dias 01 de janeiro e 20 de agosto deste ano, confirma o registro de 211 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em Mato Grosso.

Dos 211 casos registrados pela SES, 45 positivos para Influenza H1N1, 02 positivos para Influenza H3 Sazonal, 02 casos para Influenza B, 116 casos positivo para Síndrome Respiratória Aguda Grave não especificada, 06 casos de SRAG por outros agentes etiológicos, 03 casos inconclusivos e 37 casos em investigação de SRAG.

Os municípios que registraram ocorrência de SRAG – H1N1 foram Cuiabá (16) Várzea Grande (06), Rosário Oeste (01), Tapurah (01), Guarantã do Norte (01), Jaciara (01), Rondonópolis (02), Paranatinga (02), Tangará da Serra (05), Comodoro (04), Juara(01), Campinapolis (07), Barra do Bugres (01), Lucas do Rio Verde (01).

Leia também:  Alunos trans e travestis poderão usar nome social em documentos acadêmicos na Unemat

Foram confirmados 37 óbitos por gripe, sendo 19 por H1N1, registrados nos municípios de Cuiabà (5), Comodoro (01), Rosário Oeste (01), Várzea Grande (03), Tapurah (01), Jaciara (01), Guarantã do Norte (01), Paranatinga (01), Tangará da Serra (03), Juara (01), Lucas do Rio Verde (01). Dois óbitos continuam em investigação, sendo 01 em Comodoro, 01 em Várzea Grande.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.