O pior resultado na geração de empregos formais com carteira assinada foi registrado no mês de julho em 15 anos. O Brasil criou 11.796 empregos com carteira assinada enquanto no mesmo mês do ano passado foram abertas 41.463 vagas formais. Isso representa uma queda de 71,5%, o pior resultado para meses de julho desde 1999, quando foram abertas 8.057 vagas. As informações são do Ministério do Trabalho com base em dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED).

Em Rondonópolis foi registrado uma queda de 10,4% no mês de julho em comparação com o mesmo período do ano passado, onde foram gerados 359 empregos com carteira assinada, já este ano foram gerados 325 empregos. O setor de Comércios foi o que mais registrou queda, terminando com saldo negativo de 46. Foram 953 contratações e 999 desligamentos.

Um dos motivos desses desligamentos conforme o presidente da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Rondonópolis (Acir), Luiz Homem, está relacionada na queda nas vendas, onde pesquisas revelam que o movimento do comércio caiu 0,4% em julho, outro motivo é a qualificação dos funcionários.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=4WwRIj_LJww&list=UUCUete_T6eFKbuUNfvFx40A[/youtube]

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.