Cavalo morto as margens do anel viário - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Cavalo morto as margens do anel viário – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Há três dias que os moradores do bairro Lúcia Maggi em Rondonópolis estão convivendo com o mau cheiro causado pelo corpo de um cavalo próximo ao Anel Viário. O site AGORA MT recebeu a informação através de um internauta que é morador do local nesta segunda-feira (15).

O mau cheiro toma conta do bairro se tornando insuportável a aproximação no local. De acordo com a população as informações são de que o cavalo tenha morrido eletrocutado com um fio de energia que estava solto. Ainda conforme populares, a equipe responsável pela energia já esteve no local arrumando o fio, porém, nada foi feito com o animal que está muito inchado em estado de decomposição a ponto de explodir.

Leia também:  Empresa agrícola deve ser implantada em Rondonópolis

De acordo com uma das moradoras que não quis se identificar, o dono do animal é conhecido pelos moradores, sabe da morte do cavalo, mas não tomou providências. “O odor é tão forte que eu já estou dando febre” diz a moradora.

Os populares dizem ter entrado em contato com os órgãos responsáveis para pedir a retirada do animal que se encontra em local público, porém, não obtiveram resultado.

Nossa equipe não conseguiu entrar em contato com o dono do animal.

RESPOSTA SANEAR

Em resposta, a equipe do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) diz já estar providenciando a retirada do animal, provavelmente para hoje.

Leia também:  Pastor foragido há 4 anos é preso por extorsão e sequestro em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.