Mais de 200 pessoas pessoas morreram no Paquistão e no Norte da Índia por causa das chuvas torrenciais que causaram inundações, deslizamento de terras e desmoronamento de várias casas, segundo as autoridades dos dois países. Militares e pessoal das equipes de emergência foram deslocados para as áreas afetadas, estão sendo usados barcos e helicópteros para chegar às pessoas nas zonas inundadas.

No Paquistão, morreram pelo menos 106 pessoas nos últimos três dias e milhares de casas ficaram danificadas, informaram autoridades que colocaram em alerta vermelho distritos do país por causa das chuvas.

Na Índia, as chuvas torrenciais e as inundações causaram mais de 100 mortos e deixaram milhares de pessoas isoladas. A região mais atingida foi a província paquistanesa do Punjab, onde nos últimos dias 55 pessoas morreram e 235 ficaram feridas.

Leia também:  Ônibus que voltava de evento religioso cai em rio e mata dezenas de pessoas

Há também informações, não confirmadas, de 48 pessoas mortas na região da Caxemira, no Paquistão. Em 2013, as chuvas torrenciais causaram 178 mortos no Paquistão e afetaram 1,5 milhão de pessoas em todo o país.

As equipes de emergência estão tentando socorrer as populações das aldeias situadas nas montanhas, onde os deslizamentos de terra afetaram 4 mil casas, metade ficou completamente destruída, segundo fontes oficiais.

Do lado indiano, na região de Caxemira morreram pelo menos 86 pessoas desde quinta-feira (4). A maioria das principais estradas nesta região está fechada, as comunicações telefônicas e as ligações ferroviárias registram perturbações e várias pontes foram arrastadas pelas águas.

Pelo menos 27 corpos foram retirados de um rio na região montanhosa de Rajuri, no Sul da Caxemira. As vítimas estavam entre os 60 passageiros de um ônibus que afundou nas águas. Pelo menos 36 pessoas continuam desaparecidas.

Leia também:  Assassino que matou 58 pessoas e deixou mais de 500 feridos não tinha antecedentes criminais

Mais 48 pessoas morreram em incidentes relacionados com as chuvas em Jamu, na mesma zona da Caxemira, e mais 11 morreram no Vale da Caxemira quando as equipes de socorro tentavam retirar milhares de pessoas isoladas pelas chuvas em zonas mais elevadas.

No estado indiano de Punjab, pelo menos 21 pessoas morreram em deslizamentos de terras.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.