Quadra de areia da Coophalis trancada com cadeado - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Quadra de areia da Coophalis trancada com cadeado – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O direito de usar as praças públicas tem sido tolhido aos moradores da região do bairro Coophalis, em Rondonópolis, que não podem utilizar livremente os espaços destinados à comunidade, pois o uso das quadras é liberado apenas mediante a pagamento de uma taxa.

De acordo com denúncias apresentadas ao site AGORA MT, o presidente do bairro estipulou uma taxa de R$ 100 para que as quadras possam ser utilizadas. Nas queixas os moradores apontam ainda que as quadras esportivas permanecem trancadas com cadeados todo o período, inclusive aos fins de semana, e agora o presidente do bairro deu início a construção de paredes na quadra coberta, de modo que também fique isolada dos usuários, assim como a quadra de areia.

Leia também:  Morre aos 71 anos o Doutor Elmo Bertinetti em Rondonópolis

Silvano Antônio Barros, presidente do bairro, confirmou a cobrança da taxa e justificou que possui uma Cessão de Uso da prefeitura para que cuide da área por um período de até 10 anos, sendo responsável inclusive pela manutenção do espaço.

Construção do muro para isolar a quadra coberta – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Construção do muro para isolar a quadra coberta – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O presidente do bairro, explicou que é cobrada uma taxa simbólica de R$ 10, se não estiver errado, pelo uso das quadras por um período de 2h, valor muito inferior aos demais locais da cidade. Além de que a medida também é uma forma de coibir a presença de vândalos que depredam as quadras e luminárias.

As observações referentes a Cessão de Uso à comunidade foram confirmadas pelo secretário de Esporte e Lazer do Município, Sidnei Fernandes, e disse que o uso do espaço foi autorizado pelo prefeito anterior é uma forma de parceria entre a prefeitura e os bairros para que possa garantir o cuidado e manutenção do espaço, por esta razão acredita na possibilidade de uma pequena cobrança.

Leia também:  Novos semáforos visam garantir mais segurança e melhor fluxo no trânsito
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.