Desde que a candidata Marina Silva (PSB) passou a ameaçar os outros candidatos, ela passou a ser o alvo de críticas. Neste domingo (14), a presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou em novo ataque que a Presidência da República não pode ser ocupada por “coitadinhos”

Os integrantes da equipe de Marina reclamaram dos ataques promovidos pela campanha petista, em especial por meio das inserções no rádio e na televisão. Ao ser questionada sobre o fato de Marina Silva ter lhe desafiado a mostrar um plano de governo e de ter dito que não quer partir para o ataque, Dilma respondeu: “Eu sempre estive num momento paz e amor. O meu programa tem quatro anos que está nas ruas, sendo feito”.

Leia também:  De olho na vaga

De acordo com Dilma, a vida como presidente da República é dura e repleta de críticas e de pressões. “O problema são pressões de outras envergaduras que aparecem e que, se você não tiver coluna vertebral, não segura.”

“Não tem coitadinho na Presidência, quem vai para a Presidência não é coitadinho. Se se sente coitadinho não pode chegar lá”, disse.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.