O ministro do Desenvolvimento Agrário, Laudemir Muller, declarou apoio ao candidato a governador Lúdio Cabral (PT). A declaração foi feita na noite dessa segunda-feira (22), em Cuiabá. Ele é o quinto ministro a visitar Mato Grosso e reforçar a campanha da coligação “Amor a Nossa Gente”.

Laudemir participou do projeto “Rodas da Cidadania”, evento realizado por Lúdio há quase 10 anos e aberto à comunidade para discutir diversos temas de interesse da sociedade. No encontro dessa segunda, a discussão se deu em torno da agricultura familiar.

“Nós queremos Lúdio ao lado da presidenta Dilma Rousseff para trazer ainda mais avanços na agricultura familiar em Mato Grosso. Nós, em Brasília, temos o orgulho de dizer que o Lúdio é o verdadeiro candidato da mudança”, afirmou o ministro.

Leia também:  Fabris se apresenta e nega ter cometido crime

Conforme Laudemir, Lúdio saberá olhar com atenção especial para os pequenos agricultores que vivem no campo ao contrário dos demais projetos que estão sendo apresentados ao longo dessa eleição, que, na opinião do ministro, representam a volta ao passado. “Não podemos defender o projeto de diminuição de políticas públicas, nem de quem representa o passado”, completou.

Lúdio, por sua vez, destacou que a defesa de todos os segmentos da sociedade e não só dos bilionários é a principal diferença em relação ao seu principal adversário nessa eleição, senador Pedro Taques (PDT). “Do nosso lado está o compromisso com todos, mas com olhar especial aos pequenos, principalmente com as mais de 140 mil famílias que vivem em Mato Grosso na terra e da terra. Na hora que tivermos de escolher por onde vai passar uma estrada pavimentada, vamos direcioná-la para assentamentos da reforma agrária e não para cortar fazendas de bilionários que sempre viveram de facilidades do governo e que sequer pagam impostos”.

Leia também:  Pátio muda estilo e "dizima" oposição na Câmara

Ao citar que a vitória de Lúdio em MT significa a continuidade dos avanços alcançados pelo Governo Federal, o ministro lembrou que nas gestões de Lula e Dilma foram reduzidos para 1,7% os 14% da população que passava fome e 36 milhões de pessoas saíram da pobreza.

Diante da militância petista, representantes de 15 municípios do Estado, líderes de movimentos sociais, da secretária estadual de Educação, Rosa Neide Sandes, Lúdio explicou ao ministro o que é o projeto Rodas da Cidadania representa. “Religiosamente, toda segunda nós nos reunimos neste espaço para tratar da campanha, fazer avaliações da nossa candidatura e a partir de uma análise coletiva construir o nosso projeto para governar Mato Grosso”, finalizou Lúdio.

Leia também:  Palanque de Taques pode ter Pátio, Percival, Rogério e Sachetti

O ministro também declarou apoio ao candidato ao Senado pela coligação Amor a Nossa Gente, Wellington Fagundes (PR). Já visitaram Mato Grosso e reforçaram a campanha de Lúdio os ministros Ricardo Berzoini (Relações Institucionais), Sérgio Passos (Transportes), Gilberto carvalho (Secretaria-geral da Presidência) e Henrique Paim (Educação).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.