Antônio Carlos  e Israel Henrique - Foto: AGORA MT com PJC
Antônio Carlos e Israel Henrique – Foto: AGORA MT com PJC

Investigadores da 2ª Delegacia de Polícia (Delegacia Distrital de Vila Operária), em Rondonópolis, acabam de elucidar mais dois crimes ocorridos neste ano, sendo uma tentativa de homicídio e um homicídio. De acordo com a Polícia Judiciária Civil (PJC), ambos os delitos foram cometidos pela mesma dupla identificada como, Antônio Carlos rodrigues Alves, vulgo Pia e Israel Henrique Costa Roberto, vulgo Rael, que já estão presos por porte ilegal de arma.

Conforme informou o investigador durante entrevista, o 1º caso consiste na tentativa de homicídio contra Ricardo Santos de Medeiros, que ocorreu dia 21 de julho deste ano. Na ocasião, a vítima teria encontrado na casa de Israel seu aparelho televisor que havia sido furtado dias antes.

Leia também:  Criminoso aponta arma para vítima durante assalto em frente a universidade

“Por lá eles entraram em atrito, e alguns dias depois Ricardo foi baleado por dois suspeitos em uma moto vermelha que utilizaram uma arma 9 milímetros”, confirmou o investigador.

Cinco dias depois (no dia 26 de julho), o jovem de Coxim, José Robert Oliveira Camurci foi morto com um tiro de pistola 9 milímetros, no Jardim Serra Dourada (Veja Detalhes e Fotos Aqui), por dois rapazes em uma motocicleta de cor vermelha, ou seja, em ambos os casos foram utilizados o mesmo modo operante.

A PJC então começou a investigar possíveis suspeitos, quando no dia 30 de julho, quatro dias depois do homicídio de Camurci, o suspeito Antônio Carlos rodrigues Alves foi detido em uma ‘blitz’. Ele portava uma pistola 9 milímetros que ao ser levada para o exame de balística, o resultado deu positivo para os dois casos.

Leia também:  Peça de caminhão atinge carro de passeio e criança de 7 anos morre na BR-364
Evidencias do projétil coletadas no local dos crimes - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Evidencias do projétil coletadas no local do crime – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Sem arma, o suspeito Israel Henrique Costa Roberto foi até o Paraguai no intuito de comprar uma nova, mas na viagem de volta ele foi preso em flagrante e encaminhado ao presidio na cidade de Dois Irmãos de Buritis, em Mato Grosso do Sul.

“Vamos encaminhar uma representação para a PJC de MS e assim que Israel cumprir a pena dele por porte ilegal, ele deve ser remanejado para cá, quanto ao Antônio que já estava também por porte, cumprimos um mandado vinculado a tentativa de homicídio e homicídio”, conclui o investigador.

Ainda de acordo com o inquérito policial, em ambos os casos era Israel que conduzia a motocicleta e Antônio que executava o crime.

Leia também:  Após investigação, casal é preso com 120 kg de entorpecentes enterrados em quintal
Arma utilizada nos crimes - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Arma utilizada nos crimes – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.