Corinthians e Vitória já se enfrentaram 30 vezes em Campeonatos Brasileiros. Na próxima quarta-feira (22.10) eles jogarão na Arena Pantanal pela rodada trinta da Série A. No histórico de confrontos o Timão venceu dezoito vezes, o time Baiano três vezes e em nove oportunidades os times empataram. Nessas partidas o Corinthians marcou 59 gols e sofreu 26.
O primeiro duelo entre eles aconteceu no ano de 1972, na Fonte Nova em Salvador, sendo que o Alvinegro venceu por 2 a 1. Rivelino e Mirandinha marcaram para o Corinthians e Zé Eduardo descontou para o Rubro Negro. Já o último confronto ocorreu este ano pelo primeiro turno do Campeonato, terminando empatado em 0 a 0 no Barradão.
As maiores goleadas são do Timão e ocorreram no mesmo ano, em 1980. Naquele ano o Corinthians venceu o Vitória por 5 a 0 em casa e por 6 a 2 na Bahia. O ídolo Sócrates marcou nos dois confrontos.
O Corinthians virá com força máxima à Cuiabá, com todos jogadores a disposição, pois está em busca da vaga na Libertadores e precisa voltar ao G4. Porém antes irá enfrentar o Internacional neste domingo em Porto Alegre.
Ingressos a venda

Leia também:  Atleta de Rondonópolis fica com cinturão do Conselho Mundial de Muaythai

A organização da partida informa que os ingressos já estão a venda em diversos pontos, sendo recomendado que o torcedor compre seu ingresso antecipadamente, já que os ingressos podem se esgotar, assim evitando filas e correria para quem quiser comprar em cima da hora.
Veja os setores e preços disponíveis:

– Oeste e Leste Inferior: R$ 120 (inteira) – R$ 60 (meia-entrada)
– Oeste e Leste Superior: R$ 100 (inteira) – R$ 50 (meia-entrada)
– Norte e Sul inferior: R$ 100 (inteira) – R$ 50 (meia-entrada)
– Norte e sul superior: R$ 80 (inteira) – R$ 40 (meia-entrada)

Pontos de venda (horário local):

– Casa de Festa – Shoppings Pantanal – (10h às 22h) e Goiabeiras (09h às 21h) e Galeria Itália.
– Casa de Esportes Várzea-grandense – (09h às 18h)
– Bilheterias do Ginásio Aecim Tocantins – (09h às 18h)

Leia também:  Público reage e evita prejuízo para o União
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.