A vida passa tranquila no bucólico bairro da Aldeia Velha, em Chapada dos Guimarães, mas os moradores, mantém suas mentes em efervescência, especialmente aqueles vinculados à Organização Comunitária do Aldeia, a OCA. O objetivo destes é reunir a comunidade e proporcionar melhor qualidade de vida. Neste sábado, realizam o Bazar e Sarau da Primavera que começa às 13 horas, na sede da Oca.

De acordo com uma das organizadoras, Sandra Vissoto, a partir deste horário começa o bazar. “Disponibilizaremos roupas de estilo esportivo, trajes de festa e alfaiataria, jeans, camisas novas em excelente estado, além de bolsas, sapatos, livros e lindas bijuterias”, adianta.

No início da noite, tem mais diversão com música ao vivo e comidinhas especiais. “Estamos convocando todos que costumam subir a serra no fim de semana, ou que estiverem em Chapada, para confraternizar conosco. De fácil acesso, bem ao lado da Rodovia Emanuel Pinheiro, a OCA está de braços abertos para receber a todos”, declara Sandra.

Leia também:  Hospital de Câncer de MT realiza 1° leilão inteiramente online

Centro Cultural

Há vários anos a OCA vem organizando atividades de lazer e capacitação para os moradores do Aldeia Velha, o bairro mais antigo de Chapada, que salvaguarda riquíssimas histórias, como a passagem da coluna Prestes e a Expedição Langsdorff.

Tendo em mãos as plantas arquitetônicas e de infraestrutura assinadas pela Central de Projetos da Associação Mato-Grossense dos Municípios, os moradores buscam apoiadores para a edificação do Centro Cultural. Atualmente as ações ocorrem em um espaço alugado sem qualquer ajuda dos poderes públicos mato-grossenses, seja municipal ou estadual.

O prédio com cerca de 400 m² vai ser erguido em um terreno doado à associação. E além de se configurar com um espaço voltado ao bem-estar da população e uma alternativa de lazer, também vai estar focado em cursos de capacitação para melhoria de renda dos moradores.

Leia também:  Governo aumenta em 11% os repasses para os municípios

O Centro Cultural abrigará uma sala de exposição, biblioteca, sala de informática, duas salas para oficina e treinamentos, administração, um anfiteatro multiuso (cinema, teatro, show, palestras) para 90 lugares, e ainda, uma rádio e uma TV comunitária. A edificação permitirá à OCA ampliar o campo de sua ação em Chapada dos Guimarães, dotando a cidade de um importante equipamento cultural para o Ponto de Cultura (sediado na OCA), ofertando melhor suporte as atividades que já desenvolve com a comunidade.

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.