TROFEU CAMPEÃODom Bosco se consagrou campeão invicto do Campeonato Mato-grossense da Segunda Divisão. A partida final foi realizada nesta quinta-feira (10) no estádio Presidente Dutra. O jogo terminou empatado em 1 a1 no tempo normal, nos pênaltis o Azulão bateu o Poconé por 5 a 4, com o goleiro perereca, defendendo a ultima cobrança e se tornando o herói do titulo.

Querendo fazer o mando de campo e empurrado pela torcida o Dom Bosco começou buscando o ataque e levando perigo ao gol do adversário, mas logo o Poconé equilibrou a partida. Os goleiros fizeram boas defesas no primeiro tempo, não permitindo que o placar fosse aberto.

Na segunda etapa os dois times voltaram determinados a decidir o jogo, logo aos 14 minutos Kiko abriu o placar para o Dom Bosco após bate rebate na área. A torcida ainda comemorava, quando o Poconé empatou com o zagueiro Alex Barcelos de cabeça. O Azulão sentiu o gol do empate e o PEC dominou o restante da partida, mas sem objetividade, terminando o jogo em 1 a 1.

Leia também:  Rico e Lázaro | Nabonido revela que Nebuzaradã pretende matar Belsazar

Pênaltis

Como o a primeira partida da final em Poconé terminou com um empate 3 a 3, o titulo foi decidido nos pênaltis.  O Dom Bosco converteu todas as suas cobranças com Valderrama, Ica, Buiu, Natan e Kiko. Já o time pantaneiro marcou com Ronaldo Ortega, Maicon, Jailson e Alex Sorocaba, na cobrança derradeira o experiente goleiro Perereca defendeu a cobrança de Kaique.

A campanha do Dom Bosco foi excelente, 12 jogos, 7 vitórias e 5 empates e nenhuma derrota. Na semifinal eliminou o Brasil Central, com duas vitórias ambas por 2 a 1.

Emoção da torcida

“A vitória foi uma grande emoção, coração na boca,  para nós torcedores do Dom Bosco, a volta do Azulão para a primeira divisão e  a vitória da final,  fechou com chave de Ouro, vencer e ser tornar campeão da Segunda Divisão era tudo que queriamos”, disse a torcedora Ana Alcântara.

Leia também:  Pátio relembra Alberto e diz que ex-prefeito foi corajoso

Torcedor há mais de 40 anos, o empresário Valmir Brilhante, disse que aguardava ansioso pela volta do Azulão, e o time voltou agora pra fazer história novamente, estou muito feliz com as duas conquista do acesso para a elite do futebol mato-grossense e também pela consagração.

“O time do Azulão é muito querido por todos os que contribuíram para a vitória do time estão de parabéns, foi muito merecido pela campanha que o time fez”, disse o torcedor do Dom Bosco Ryan Adilson Duarte de Souza.

Ficha técnica

Herverton Pereca; João Lennon, Pio, João, Dalvan, Natan, Rafael, Robinho, Pulinho, Buiu. técnico: Hugo Alcantara.

Poconé Naldo, Portela, Alex Barcelos, Tayron,  Maicon , Cacau, Alex Sorocaba Ronaldo Ortega, Kaique e  Jailson. Técnico: Marcos Birigui

Leia também:  Nas mãos de Fufuquinha

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.