O ex-prefeito de Rondonópolis, José Carlos do Pátio se manifestou após a denúncia do Ministério Público Federal (MPF). Pátio afirmou que ainda não foi notificado da ação, mas que seus advogados já estão tomando conhecimento do caso.

Contudo, Pátio adianta que durante a sua gestão não houve sonegação de tributos federais destinados ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), como consta na matéria publicada pelo site do próprio MPF.

“O MPF está cumprindo o seu papel fiscalizador, mas posso garantir que durante a minha gestão na prefeitura de Rondonópolis nunca tomei nenhuma medida que gerasse prejuízo aos interesses públicos, assim como também jamais aceitaria que a prefeitura pagasse impostos acima da sua obrigação. Dessa maneira, tenho como comprovar que agi dentro da Lei, da mesma forma como fiz em outros casos”, afirmou Pátio.

Leia também:  Presidente da Câmara compõe comitiva de autoridades para lançamento de obra e reunião sobre a Saúde
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.