Mais de cinco meses depois de ter sido baleado em um motel em Rondonópolis, o motorista André Vilarin Couto, 37 anos, morreu na noite de ontem (20) na Santa Casa de Misericórdia em Cuiabá. Ele estava internado em estado grave na unidade de saúde desde o dia 16 de setembro.

O motorista foi baleado no tórax e no braço no dia 17 de maio deste ano em um motel  localizado no Jardim Guanabara e após ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi encaminhado ao Hospital Regional de Rondonópolis. Há 36 dias, ele havia sido transferido para Cuiabá em estado grave.

O crime

Leia também:  Acidente entre motocicleta e táxi deixa casal ferido

Segundo informações do Boletim de Ocorrência André Valerin Couto estava em um quarto do motel juntamente com um casal desde a manhã do dia 16 de maio, o crime aconteceu na madrugada do dia 17. Segundo relatos de uma testemunha a polícia, frequentemente, uma 4ª pessoa também ia ao local e conversava com eles.

O crime ocorreu na madrugada do sábado, dia 17 de maio, por volta da 1h, onde dois indivíduos chegaram em uma motocicleta, um deles entrou no quarto e atirou quatros vezes contra a vítima. Após os disparos, o suspeito fugiu do local.

O casal que estava no motel junto com a vítima não soube informar a polícia o que teria motivado o crime.

Leia também:  Motociclista não vê idoso em faixa, o atropela e os dois morrem

O caso está sendo investigado pela Delegacia Distrital da Vila Operária.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.