O atual senador e futuro governador do Estado Pedro Taques (PDT), parece que não está ligando muito para a direção do partido.

O parlamentar está indo contra a indicação nacional do PDT em apoiar a presidente Dilma (PT), que é do arco de aliança, e já declarou abertamente apoio a Aécio Neves (PSDB).

Em entrevista ele chegou a dizer que se o partido quiser que tome as providencias legais contra ele.

Advertisements
Leia também:  Briga de vereadores esquenta clima em gabinete do prefeito

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.