A prefeitura municipal realizou na manhã de sexta-feira (03), a abertura oficial do 1º Fórum Municipal Comunitário Pró-Selo UNICEF Município Aprovado, com a presença do prefeito Érico Piana, secretários municipais e centenas de técnicos das secretarias de Assistência Social e Educação.

O objetivo do Fórum é ampliar e qualificar a participação social dos cidadãos no acompanhamento e controle das políticas públicas destinadas a ações que beneficiem as crianças e os adolescentes nos municípios.

A conquista do Selo UNICEF Município Aprovado, acontece por meio de ações de mobilização, diálogo e trocas de experiências que possibilitam uma construção conjunta de ideias, propostas e ações que melhorem a qualidade de vida dos jovens do município.

O município de Primavera do Leste já participou da edição do Selo UNICEF anterior e foi contemplado.

Leia também:  Reconstrução da Estrada da Guia será lançada no sábado (16.09)

O prefeito Érico Piana entende que ao receber o Selo da UNICEF, os municípios assumem o compromisso de desenvolver um conjunto de Ações Estratégicas de Políticas Públicas e de Participação Social. Elas têm o objetivo de promover os direitos das crianças e adolescentes de: sobreviver e se desenvolver; aprender; proteger-se e ser protegido; crescer sem violência; ser adolescente; ser prioridade absoluta nas políticas públicas; praticar esportes, brincar e divertir-se.

“Como gestor defendo que o poder público tem a missão de abrir portas para dar oportunidade às crianças de estarem nas salas de aula e quando não estiverem, garantir atividades nas áreas esportivas, culturais e de lazer” avaliou.

Para o prefeito, como a 5ª economia de Mato Grosso, Primavera do Leste também tem avançado na questão social, educação de qualidade para crianças e com a implantação do IFMT para garantir ensino técnico profissionalizante e superior gratuito para os jovens.

Leia também:  Deputados de MT aprovam por 16 votos a 4 a PEC que limita gastos do governo durante 10 anos

O Selo UNICEF Município Aprovado é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância. O Selo está articulado com o Pacto Nacional Um Mundo para a Criança e o Adolescente do Semiárido e a Agenda Criança Amazônia, iniciativas que têm como objetivo reduzir as disparidades regionais e apoiar o Brasil no alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

Participaram da abertura oficial do evento, a secretária de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, Adriana Tomazoni, a secretária de Assistência Social, Márcia Rotili, o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Frederico Denardi, e o representante da UNICEF/MT, Natalício Menezes.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.