O governador eleito Pedro Taques (PDT) deve anunciar até a primeira quinzena de dezembro o novo secretariado. Ele desautorizou qualquer pessoa a falar sobre nomes a não ser ele próprio. “Quem fala a respeito de secretário sou eu, ninguém mais esta autorizado a falar sobre isso”, disparou.

Ele desmentiu que o promotor de justiça da área de combate ao Crime Contra Patrimônio Público Mauro Zaque tenha sido sondado para assumir a Secretaria de Segurança Pública.

Nem mesmo a primeira-dama Samira Martins ou o vice-governador Carlos Fávaro (PP) falam em assumir cargos no primeiro escalão. “Não vou exercer nenhum cargo público. Mato Grosso ganhou uma voluntária”, assegurou Samira.

Fávaro também diz seguir o mesmo caminho. “Serei o vice-governador e não vou assumir secretaria”.

Leia também:  Antônio Joaquim deixa o Tribunal e se prepara para 2018
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.