O governo venezuelano lançou ontem (2) o Natal na Minha Casa, um programa de assistência social, parte da Grande Missão Habitação (GMH), que prevê que quase 75 mil famílias carentes troquem as barracas por apartamentos até o fim do ano.

“Nossa meta é que antes do dia 24 de dezembro estejam construídas todas as casas. São aproximadamente 75 mil habitações e temos pouco mais de 48 mil” em execução, disse o ministro de Habitação e Habitat da Venezuela, Ricardo Molina.

Segundo ele, o governo venezuelano construiu, em 2014, como parte do GMH, mais de 623 mil habitações sociais e atualmente estão em execução 222 mil, que deverão ser entregues até o fim do ano.

Leia também:  Séries de ataques deixaram dezenas de pessoas mortas no Pasquitão

“Começamos o plano final para os meses de outubro, novembro e dezembro. É um trabalho duro em todas as frentes, das obras, dos conselhos, das brigadas de construção, governanças (de regiões) e câmaras municipais. Todos participam para acelerar o processo”, disse.

Em 2015, segundo Ricardo Molina, o governo venezuelano espera concluir mais de 500 mil habitações sociais, sendo que o setor privado deverá construir cerca de 80 mil.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.