A Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (AGER) cancelou mais uma vez a reunião que definiria o pedido de reajuste no preço do pedágio, solicitado pela Concessionária Morro da Mesa em Rondonópolis. As informações foram repassadas pelo coordenador do Procon, Juca Lemos, nesta sexta-feira (07).

Conforme Juca, esta não é a primeira vez que a AGER desmarca a reunião sem justificativas. O encontro estava marcado para a tarde de ontem (06) no município de Cuiabá.

Mesmo com inúmeras irregularidades constatadas na estrada pelo Procon, a Concessionária solicita um aumento de aproximadamente R$ 1,00 nas tarifas. Atualmente os valores são de R$3,25 para motos e R$6,50 por eixo, caso ocorra o reajuste a tarifa passará a ser R$ 7,50 por eixo, explica Juca.

Leia também:  1ª Trans tem seu nome social incluído ao CPF em Rondonópolis

Ainda de acordo com o coordenador, existem várias irregularidades nas estradas constatadas principalmente nas sinalizações horizontais. “Mandamos fazer uma verificação nas rodovias e foram identificadas algumas irregularidades. Alguns buracos foram tapados, porém, falta as sinalizações horizontais que tem grande importância na segurança ao realizar uma ultrapassagem. São itens essenciais perante a lei” diz Juca Lemos.

A concessionária será autuada pelas irregularidades nesta segunda-feira (10), afirma Juca Lemos.

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.