Em sessão solene, estudantes de seis municípios – Vale do Rio Cuiabá – participam da instalação da 6ª Legislatura do Parlamento Mirim – em 2014. A posse e diplomação deles acontecem nesta segunda-feira(3), às 18 horas, no Plenário Renê Barbour, na Assembleia Legislativa.

Na terça-feira(4), a partir das 8:30 horas, os 24 parlamentares mirins vão se reunir – no Plenário Renê Barbour – para realizar a eleição da Mesa Diretora e a sessão ordinária. Os eleitos vão deliberar sobre os projetos de leis apresentados por eles.

Para o evento, de acordo com a responsável pelo programa, Hederglay A. Souza Bastos Franco, o convite para a solenidade foi feito a diversas autoridades públicas do Estado. Entre eles estão o governador Silval Barbosa (PMDB, os prefeitos das cidades envolvidas com a 6ª Legislatura e para os Secretários de Estado e Municipais de Educação.

Leia também:  Sebastião Rezende entrega minuta de decreto para ajudar comunidades terapêuticas

De acordo com as novas regras do Parlamento Mirim, cada uma das escolas participantes desta Legislatura tem o direito de apresentar até cinco projetos de leis. Antes disso cada instituição de ensino apresentava apenas uma proposição.

As escolas públicas – estadual e municipal – e privadas que participam desta edição legislativa são de Cuiabá, Várzea Grande, Acorizal, Santo Antônio de Leverger, Chapada dos Guimarães e Dom Aquino. Elas podem inscrever os projetos de seus alunos que cursam do 5º ao 9º ano, independente da idade.

A filosofia adotada pela Assembleia Legislativa – por meio do Planejamento Estratégico – é o de inserir os jovens no processo político, proporcionando conhecimento mais amplo sobre a democracia, para que cheguem à fase adulta com boa formação política e contribuam para um Brasil cada vez mais justo e melhor.

Leia também:  "Distritão" não passa e regra para eleições de deputados devem ser mantidas

Na Legislatura atual, a relação dos projetos de leis dos deputados mirins aprovados, por setor, ficou assim definida: cultura, dois; direitos humanos, cinco; educação, oito; saúde, três; meio ambiente, quarto; segurança pública, um e transporte, um.

Das 24 propostas apresentadas, dez são oriundas de escolas estaduais, dez de municipais e quatro de instituições privadas. O município de Cuiabá é representado por dez deputados; Dom Aquino por sete parlamentares; Chapada dos Guimarães por quatro; Várzea Grande por dois e Acorizal por um deputado.

Confira a lista dos 24 deputados mirins:

Lais Terra Martins Morais

Eduardo Nicolini Dorneles

José Carlos Louzada Junior

Eduardo Gonçalves Gomes de Carvalho

Any Heloise Dutra Cruz

Leia também:  Audiência Pública discute regularização fundiária em Rondonópolis nesta quinta

Livia Natália de Souza Lira

Camila Horrana Sousa de Sene

Carlos Victor A. Miranda da Silva

Munila Souza Borba

Viviane Santana da Silva

Ana Luiza Amorim de Lima

João Pedro de Almeida Neponoceno

Fernanda Camila dos Reis Santana

Bruna Valeria Mendes Gadani

Luise da Silva Ribeiro

Victor Hugo Campos Ramires

Tayne da Silva Dias

Kaique Pereira da Silva

Mylena Helena Pavani

Thiago Carajoinas Ramalho Cuenca

Eliane Nunes Rodrigues

Amanda Borges Matos Santana Magalhães

José Carlos Albuquerque de Souza

Gustavo Reis Prado

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.