Rubens Viana Vieira - Foto: Adilson Oliveira
Rubens Viana Vieira – Foto: Adilson Oliveira

Um casal de idosos foi pessoalmente a Delegacia de Polícia denunciar seu próprio filho pelas agressões sofridas. Rubens Viana Vieira, 41 anos, foi detido na tarde desta sexta-feira (14), pela Polícia Militar de Tangará da Serra.

De acordo com a Polícia Militar, o agressor costumava fazer pressão psicológica e ameaças aos pais frequentemente. “Além, de ter outras passagens, o agressor será autuado pelo Estatuto do Idoso por agressão,” ressaltou o policial.

Os idosos, Zaquel Vieira de 59 anos, e Elenir Viana Vieira de 65 anos, confirmaram as agressões do filho, e disseram não saber mais o que fazer. “Não podemos falar nada que ele nos agride fisicamente, xinga e agora nos ameaça de morte. Ele não trabalha, e ainda temos que aguentar essa situação”, lamentaram.

Leia também:  Casos de violência no Brasil em 2015 matou mais que ataques terroristas no mundo em 2017

A mãe chorou muito pelo constrangimento e da situação que vem passando. “Cansamos dessa vida. Não aguento mais isso não. Não é fácil ver um filho assim, mas foi preciso fazer isso”, desabafou.

Rubens foi preso em flagrante no Bairro Vila Horizonte, onde mora.

“Cansamos dessa vida. Não aguento mais isso não. Não é fácil ver um filho assim, mas foi preciso fazer isso” desabafa a mãe - Foto: Adilson Oliveira
“Cansamos dessa vida. Não aguento mais isso não. Não é fácil ver um filho assim, mas foi preciso fazer isso” desabafa a mãe – Foto: Adilson Oliveira
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.