Quase 2 mil postos de trabalho foram fechados no estado de Mato Grosso –MT durante o mês de outubro. As informações são de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Em relação ao estoque de assalariados com registro formal do mês anterior foi registrado uma queda de 0,30%. O número resulta da subtração entre as admissões realizadas, que totalizaram 39.074, e as demissões, em 41.037.

Indústria da Transformação (-1.596 postos) foi o setor que mais contribuiu com o desempenho em seguida veio o setor de construção civil (-423).

Também encerraram outubro demitindo mais as áreas como a de extrativismo mineral (-83), serviços industriais de utilidade pública (-12) e também a agropecuária (-10). Apenas dois dos setores avaliados concluíram com alta na geração celetista: o comércio (+48) e os serviços (+113).

Leia também:  Alto Taquari | Controlador Interno é afastado de cargo e pode ser condenado por improbidade administrativa

A baixa no volume de contrações para outubro de 2014 fez Mato Grosso interrompe a sequência positiva na geração de vagas, que vinha sendo registrada desde 2009. Foi naquele ano em que a geração de empregos começou a reagir, após um 2008 com mais demissões.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.