O índice de inadimplência em outubro na região Centro-Oeste ficou acima da média nacional e ocupou a 2ª colocação no ranking, conforme dados do indicador regional de inadimplência do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) que revelou o número de consumidores com parcelamentos em atraso.

Nos dados em que foram comparados a quantidade de inadimplentes em outubro deste ano em relação a outubro do ano passado a média nacional foi de 3,95%, enquanto no Centro-Oeste o percentual foi de 5,58% no número de CPFs inadimplentes, logo atrás do Sudeste (5,60%) que registrou o maior número de inadimplentes.

A região Sul mostrou o terceiro maior avanço (4,06%) e se manteve com um crescimento levemente superior a média geral. Em contra partida no Norte (2,89%) e Nordeste (+3,15%) houve um crescimento em ritmo

Leia também:  Abre nesta segunda consulta ao 5° lote de restituição do IR deste ano
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.