Vereadores durante seção - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Vereadores durante sessão – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Os vereadores de Rondonópolis aprovaram por unanimidade nesta sexta-feira (14), durante sessão extraordinária, uma autorização para que  prefeito Percival Muniz (PPS) possa se ausentar da cidade por mais 10 dias. Antes o prefeito tinha o direito de apenas 10 dias de licença e agora com essa autorização ele passa a ter mais 10 dias garantidos, ou seja total de 20 dias, para ficar afastados do Paço Municipal.

O prefeito Percival Muniz havia solicitado esse afastamento para poder tirar férias e fazer exames médicos. O gestor aguardava apenas a autorização para deixar temporariamente o cargo, fato que deve ocorrer já nos próximos dias.  O comando da  administração deve passar para as mãos do vice-prefeito Rogério Salles (PSDB).

Leia também:  Senado analisa nesta terça projeto que regulamenta serviços como o Uber

O presidente da Câmara Municipal, Ibrahim Zaher (PSD), afirmou que durante o período que o prefeito estiver ausente, ficará sem remuneração.

Ainda durante a sessão ocorreu a votação de uma moção de aplausos dedicada a Torcida do União Fanática (TUF) que comemora 1 ano de fundação. A homenagem foi proposta pelos vereadores Mauro Campos (PT) e Fulô (PMDB).

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.