O Conselho da Mulher de Rondonópolis visitou na tarde desta segunda-feira (01), o Centro Pop, unidade de atendimento e serviço especializado para pessoas em situação de rua, para conhecer os trabalhos realizados e as dificuldades que o Centro vem enfrentando.

De acordo com a presidente do Conselho da Mulher, Mara Oliveira, mesmo após o início dos trabalhos do local poucas mudanças foram vistas de fato nas ruas e por isso muitas cobranças têm sido recebidas. “Viemos ver o que de fato tem sido feito e como podemos ajudar para melhorar o atendimento. Descobrimos também que no próximo dia 9 alguns contratados da equipe de abordagem terão seus contratos encerrados e vamos lutar para que isso senão grande parte do serviço irá parar” disse ela.

Leia também:  Sesc Rondonópolis realiza desafio mix aeróbico neste sábado (08)

De acordo com o coordenador do Centro, Danilo Ferreira de Oliveira, desde que começaram os atendimentos, há cinco meses, foram realizadas mais de mil intervenções. Além disso, diariamente o local atende de 15 a 20 pessoas disponibilizando banho, café da manhã, lanche da tarde.

Também é disponibilizado acesso ao mercado de trabalho, retirada de documentos, tratamento para dependentes químicos e triagem para solicitação de passagens.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.