O UFC: Machida x Dolaway, que acontece neste sábado, em Barueri (SP) tem em sua programação o tradicional treino aberto dos lutadores, que será realizado nesta quinta-feira. A novidade está no fato de que ele será feito no Allianz Parque, estádio do Palmeiras recém-inaugurado. Entretanto, este é, provavelmente, apenas o primeiro passo da aproximação entre Ultimate e a arena, que tem boas chances de receber um dos eventos da organização em 2015, em data que ainda está sendo negociada.

De acordo com o diretor da WTorre – construtora do estádio e que atua como gestora do local -, Rogério Dezembro, sediar um UFC no ano que vem é a grande prioridade. Ele inclusive comparou com a realização do show de Paul McCartney, que aconteceu este ano.

– Vou te contar o que é nosso conceito desse brinquedo chamado Allianz Parque. Em nosso acordo com o Palmeiras, a WTorre fez 100% de investimento para erguer a arena e não tem direito a receita da bilheteria dos jogos, que é 100% do clube, uma das principais fontes para recuperarmos o investimento feito de quase R$ 700 milhoes são os eventos que não são de futebol. O calendário do Palmeiras é a principal atividade da arena, mas a nossa missão, como gestores do negócio, é ter o máximo de eventos que não sejam futebol para que a gente consiga transformar o Allianz Parque em um ser vivo todos os dias e gerar exposição de mídia e receita. Neste sentido, trazer um fenômeno de marketing, de audiência e de mobilização como o UFC, sem duvida está na nossa lista como “prioridade A” de eventos que queremos trazer. O que o UFC traz para um evento esportivo sem ser futebol está como o show do Paul McCartney está para a música. É um evento ímpar que queremos ter aqui – garantiu Rogério.

Leia também:  Paranatinga | Atleta de Jiu Jitsu conquista duas medalhas de ouro em campeonato internacional

O estádio pode receber o UFC em duas configurações diferentes: a primeira, no local onde acontecerá o treino aberto nesta quinta-feira, o anfiteatro, localizado atrás de um dos gols e que é inteiramente coberto, com capacidade para 12 mil espectadores. A segunda seria utilizando todo o estádio, que em jogos de futebol tem capacidade para 43.600 pessoas, mas com os assentos no gramado que o Ultimate utilizaria, pode ultrapassar os 50 mil presentes. Neste caso, provavelmente a organização colocará um grande card no Brasil. O porém fica por conta da falta de cobertura para o caso de ser escolhida esta configuração. As partes ainda estão discutindo a melhor forma e avaliando a melhor opção de data.

Leia também:  Atleta de Rondonópolis fica com cinturão do Conselho Mundial de Muaythai

Para Rogério Dezembro, o ideal é que o UFC desembarque no Allianz Parque no final de 2015, com o Campeonato Brasileiro já encerrado. Porém, existe a possibilidade de que aconteça ainda no primeiro semestre. Para o diretor da WTorre, caso seja viável, existe o interesse de sediar até mesmo dois eventos do Ultimate no estádio no próximo ano.

– Temos que ver que tipo de impacto o evento tem em relação ao calendário de jogos ou até mesmo a algum outro evento já marcado. No final do ano seria depois do encerramento do calendário de futebol, como esse de Barueri, aí seria perfeito. A gente ainda não chegou nesse nível de discussão de datas ainda, estamos conhecendo o projeto, mostrando as instalações do Allianz Parque e a equipe responsável pelo desenvolvimento está vendo as necessidades do UFC. Nossa missão profissional é ter o maior número de eventos possíveis aqui. Se for viável do ponto de vista operacional e de calendário, gostaríamos de fazer até dois eventos do UFC aqui no ano que vem.

Leia também:  União vence e assume liderança da Copa FMF
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.